Campanha da Fraternidade 2021.

Brasil

Carlos Dias

Publicado em 16/02/2021

De há muito a Campanha da Fraternidade tem sido usada para perverter o ensinamento autêntico da Igreja Católica e subverter o verdadeiro sentido da Quaresma.

Vale recordar que o período quaresmal é um convite solene à preparação para a Ressurreição de Cristo. A Quaresma é um tempo todo especial para que de forma ativa façamos um exercício interior de conversão verdadeira.

A Quaresma é tempo de oração, de jejum e de penitência.

Nada pode mudar esse sentido, pois o período quaresmal aplica à alma humana uma aproximação de sentimento com a Paixão do Senhor. É algo muito grande e misterioso. Reduzir isso a expressões de solidariedade humana e de convivência desordenada com outras igrejas é trair a Paixão do Senhor e desprezar a Salvação.

Em que pese o mundo estar trilhando caminhos opostos aos da santificação, a Igreja Católica, fiel e única depositária do magistério de Cristo, tem por obrigação irrenunciável anunciar com fidelidade irretocável esse ensinamento.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Para continuar lendo e ter acesso a esse conteúdo exclusivo, assine clicando abaixo.

Assinar