Gandhi chamava a Hitler de “querido amigo”

Internacional

Allan dos Santos

Publicado em 11/08/2020

Não basta ser pacifista. É necessário lutar contra o inimigo e nunca chamá-lo de “querido amigo”. Além de encontrar-se com Mussolini no dia 12 de Dezembro de 1931, de acordo com o seu próprio diário, Mahatma Gandhi escreveu uma carta a Hitler chamando-o de “querido amigo”. Mohandas Karamchand Gandhi, ou Mahatma Gandhi, não escreveu uma, mas duas cartas ao genocida e ditador alemão na tentativa de convencê-lo a não agir com violência.

A primeira carta de Gandhi ao responsável pelo genocídio que marcou a história, ficando atrás apenas de Stalin e Mao, foi escrita no dia 23 de julho de 1939, a menos de dois meses do início da Guerra. Ele afirma, na carta, que Hitler seria “a única pessoa no mundo que pode evitar uma guerra capaz de reduzir a humanidade ao estado selvagem”.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Para continuar lendo e ter acesso a esse conteúdo exclusivo, assine clicando abaixo.

Assinar